SubsLGBT e Fundtur Pantanal realizam blitz educativa em bares e restaurantes no combate à LGBTfobia

Categoria: Cidadania, Subs LGBT | Publicado: sexta-feira, maio 27, 2022 as 16:44 | Voltar

A Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas LGBT+ em parceria com a Fundação de Turismo do Pantanal e Abrasel, realizou na noite de quarta-feira (25) uma blitz educativa em bares e restaurantes do município de Corumbá, com o objetivo de divulgar a campanha de combate a LGBTfobia e como parte das ações do Maio da Diversidade e do Festival América do Sul Pantanal (FASP).

“Estamos com uma agenda de ações extensas neste mês de maio, por conta da campanha Maio da Diversidade. E aproveitamos as ações do FASP e o movimento da cidade para divulgarmos a campanha contra a LGBTfobia que é de identidade visual, com cunho pedagógico para estimular a população LGBT a procurar a delegacia, em casos de LGBTfobia, que é um crime, por isso não é mais uma brincadeira, mal atendido ou agressão que não será penalizado”, explica o Subsecretário de Políticas Públicas LGBT, Leonardo Bastos.

Ele destacou que campanha também será divulgada nas redes sociais e terá o envio de cartazes para as escolas, órgãos estaduais, assim como nos bares e restaurantes. A campanha foi elaborada pela Secretaria de Cidadania e Cultura (Secic), por meio da Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas LGBT+ tendo a parceria da Defensoria Pública Estadual e Ministério Público Estadual.

Para a diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal, Elisângela Sienna esse trabalhp em conjunto é muito importante. “Nós da Fundação de Turismo do Pantanal aqui de Corumbá tivemos o maior prazer em trabalhar com a Subsecretaria nessa causa tão nobre contra a LGBTfobia. Todos merecem respeito, amor e reconhecimento em todas as áreas de atuação independente do seu credo, cor ou gênero. Estamos juntos em um mundo sem nenhum tipo de preconceito”, finaliza.

Entre os canais de denuncia disponíveis está o Centro Estadual de Cidadania LGBT: (67) 3316-9183, Núcleo de Direitos Humanos da Defensoria (67) 9.9265-7323 e Ouvidoria do Ministério Público: 0800 647 1127.

 

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.