Subscretaria inicia mapeamento do perfil da população LGBT+ nas Unidades Penais de MS

Categoria: Cidadania, Subs LGBT | Publicado: sexta-feira, novembro 12, 2021 as 10:33 | Voltar

A Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas LGBT+, por meio do Núcleo de Estudos e Pesquisa do Centro Estadual de Cidadania LGBT+, iniciou na quinta-feira (11), uma pesquisa que visa identificar as demandas e mapear o perfil da população LGBT+ nas Unidades Penais. A ação compõe um conjunto de atividades voltadas ao combate à homofobia e promoção de igualdade em parceria com a Agepen.

Equipe Subs LGBT+ e Agepen

"Esta ação é extremamente importante para que possamos obter dados acurados acerca das dificuldades de acesso aos direitos pela população LGBT+, que é uma realidade presente nos mais diversos contextos, assim como identificar boas práticas que visam o combate à LGBTfobia e a promoção de cidadania. A partir da análise dessas informações podemos nos articular e promover ações que impactem positivamente nas vidas dos LGBT's privados de liberdade e também na sociedade que o receberá após a execução de suas penas”, explica Jonatan Espindola, o Coordenador de Estudos e Pesquisas do Centro Estadual de Cidadania LGBT+.

Na ocasião foram entrevistadas mulheres lésbicas, bissexuais e homens trans em cumprimento de pena, com o objetivo de realizar uma escuta qualificada e coletar informações úteis para a compreensão do status atual da realidade carcerária nas Unidades contempladas pela pesquisa.

Para a realização da pesquisa, foi utilizado um questionário que compreende questões de saúde, educação, orientação sexual, condições sanitárias, trabalho, projeto de carreira e demais questões relacionadas à pauta LGBT+.

 

 

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.