SPPM realiza workshop sobre participação feminina na política

Categoria: Cidadania, Subs Mulher | Publicado: quarta-feira, setembro 16, 2020 as 14:02 | Voltar

Nesta quarta-feira (16.09) a Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas para Mulheres (SPPM), realizou o primeiro Workshop para debater o tema “Mais Mulheres na Política”, buscando “Mais Políticas para as Mulheres”. O evento foi realizado de forma on-line e transmitido pela página do Facebook da Subsecretaria @SubsMulheres.

A iniciativa tem o objetivo estimular a participação da mulher nos espaços de poder e decisão, disseminando informações sobre a história da representatividade da mulher na política e incentivando a efetiva participação das mulheres no pleito de 2020.

O Workshop foi mediado pela Coordenadora de Ações Temáticas da SPPM, advogada Rhaissa Siviero, e contou com a participação da Subsecretária de Estado de Políticas Públicas para Mulheres, Luciana Azambuja, da Desembargadora aposentada do TJMS e Diretora da Mulher na Associação de Magistrados de Mato Grosso do Sul, Drª Maria Isabel de Matos Rocha e a advogada, professora universitária e Presidente Nacional da Associação Brasileira de Mulheres de Carreira Jurídica, Drª Manoela Gonçalves.

Subsecretária Luciana Azambuja

Na abertura do evento a Subsecretária Luciana Azambuja ressaltou a importância do debate uma vez que as mulheres encontram grandes dificuldades em ocupar espaços de poder, de serem eleitas ou terem voz ativa na tomada de decisões políticas. “Precisamos falar sobre política. Política é sim assunto de mulher, porque nós mulheres podemos ser a mudança que tanto queremos na sociedade. E essa série de wokshops foi pensada para encorajar e incentivar as mulheres a buscarem espaços de poder e decisão, a participarem da vida política de seu bairro, da sua comunidade, da sua cidade. Sejamos a transformação que queremos ver.”

A Subsecretária também apresentou números da representatividade feminina na política sul-mato-grossense nos últimos 20 anos. Destacando os cargos na Assembleia Legislativa que no ano de 1998, uma mulher ocupava o cargo de deputada, em 2002 tínhamos duas representantes, em 2006 retrocedemos para uma, em 2010 duas deputadas, em 2014 chegamos ao maior número com 3 representantes e infelizmente na eleição de 2018, nenhuma mulher foi eleita.

Desembargadora aposentada do TJMS Drª Maria Isabel

Em sua fala a Desembargadora aposentada do TJMS Drª Maria Isabel, destacou a importância da empatia entre as mulheres. “As mulheres precisam apoiar-se umas as outras para alcançarmos os espaços que tanto desejamos. Não pode ser a maternidade por exemplo, o empecilho para entrarmos na disputa, ou em um cargo de poder. Precisamos articular a nossa rede de apoio. ”

Dados do Cadastro Eleitoral mostram que o Brasil possui mais de 77 milhões de eleitoras. O número representa 52,5% do total de 147,5 milhões de eleitores. E o ranking de participação de mulheres no parlamento elaborado em 2017 pela ONU Mulheres, em parceria com a União Interparlamentar (UIP), demonstrou que o Brasil ocupa a 156ª posição no que se refere à representação feminina.

Drª Manoela Gonçalves

A professora universitária Drª Manoela Gonçalves, iniciou sua fala citando uma frase de Hillary Clinton, que diz “que já é tempo de as mulheres tomarem o seu lugar por direito, ao lado dos homens nas salas onde os destinos nas pessoas, de seus, filhos e netos são decididos”, e completou “A mulher precisa ocupar espaços dentro da estrutura de poder para dar um rumo diferente ao nosso país.”

Ressaltou ainda as dificuldades impostas pelo período de pandemia o qual estamos vivendo. “O novo coronavírus no campo da política provocará uma campanha eleitoral diferente nos municípios brasileiros, desde a mudança da data até a forma como os candidatos e candidatas se comportarão durante a busca pelo voto.”

Encerrando o evento a Subsecretária Luciana Azambuja ressaltou que “acreditamos que o aumento da participação das mulheres nos espaços de poder contribui para a superação das desigualdades de gênero e, consequentemente, para a redução da violência contra a mulher.”

Na próxima quarta-feira (23.09) será realizado o segundo workshop também com transmissão pelo Facebook da SPPM. A live está disponível na página do facebook da Subsecretaria Estadual de Políticas Públicas para Mulheres: @SubsMulheres.

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.