Semana do artesão conta com a participação de profissionais indígenas

Categoria: Cidadania, Subs Indígena | Publicado: quarta-feira, março 16, 2022 as 10:40 | Voltar

A décima quarta edição da Semana do Artesão será realizada nos dias 18 a 26 de março, por meio da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul no Shopping Campo Grande. A programação será gratuita e inclui feira de artesanato, oficinas e palestras. A Semana do Artesão é realizada pela Gerência de Desenvolvimento de Atividades Artesanais da Fundação de Cultura do Estado com o apoio de algumas entidades de artesãos do Mato Grosso do Sul, o Sebrae/MS e a Sectur.

O dia do artesão é comemorado em 19 de março no Estado, e dá início a semana de eventos. Na semana do artesão, o poder público homenageia os profissionais artesãos e suas obras. Os diversos artesanatos, é uma forma de expressar a cultura sul-mato-grossense. Nesta edição serão homenageadas as artesãs Indiana Marques, Araquém Leão (In Memorian) e Edson Alves da Cruz. Os profissionais foram escolhidos pela importância e trajetória no artesanato de Mato Grosso do Sul.

Para a gerente de Desenvolvimento de Atividades Artesanais da FCMS, Katienka Klein, a volta de exposições de artesanatos é de suma importância. “A comercialização dos artesanatos é fazer com que os artesãos que estão há dois anos durante a pandemia parados sem poder ter a comercialização, voltem a comercializar e possam sentir como está o mercado pós-pandemia, temos essa questão de geração de renda muito importante para os artesãos, eles vivem da comercialização, uma feira no começo de março, trazendo lojistas do Brasil inteiro, para ter acesso a esses artesãos é uma forma de geração de renda. Além disso teremos palestras que são muito importantes para sanar as dúvidas dos artesãos.”

A semana do artesão contará com a participação de artesãos indígenas e apresentará um stand específico para os artesanatos, no evento estarão presentes 16 indígenas, e 7 etnias serão contempladas. Fernando Souza, subsecretário de políticas públicas para a população indígena relata a relevância da ação. "É importante a presença dos indígenas com a sua obra, com a sua arte, com o seu grafismo, que será mostrado para o mundo. Essa semana ajuda a fortalecer e enriquecer a presença dos povos indígenas sul-mato-grossenses. Tudo que é relacionado à cultura, está presente no dia a dia dentro das terras indígenas, e nesta semana teremos a presença de vários artesãos que poderão mostrar a sua cultura. E isso traz visibilidade para a presença indígena no Estado."

 

Texto: Bel Manvailer - estagiária com supervisão de Jaqueline Hahn Tente - Secic

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.