SECIC cria grupo de trabalho para debater acessibilidade

Categoria: Cidadania, Subs Pessoa com Deficiência | Publicado: sexta-feira, outubro 1, 2021 as 11:19 | Voltar

Em reunião realizada com representantes de associações e entidades ligadas diretamente às pessoas com deficiência sul-mato-grossenses, a Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência em parceria com a Fundação de Cultura do Mato Grosso do Sul, instituiu um grupo de trabalho para debater boas práticas de acessibilidade e inclusão no prédio da Secretaria de Cidadania e Cultura (SECIC), e em eventos culturais realizados pela pasta.

“No dia em que comemoramos o dia Internacional do Intérpretes de Libras, avançamos na construção democrática de políticas em prol da acessibilidade, que vai muito além de estrutura física. E esse debate, essa conversa com representantes do segmento das pessoas com deficiência, reforça nosso compromisso com todos, enquanto Governo do Estado”, explica a Subsecretária de Estado de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência, Telma Nantes de Matos.

A diretora-geral da Fundação de Cultura do Mato Grosso do Sul, Mariana Rondon, na ocasião destacou que, “nós estamos juntas tocando esse projeto que tem como objetivo trazer as pessoas dos diversos tipos de deficiência e fazer um diálogo participativo para ter um entendimento dos diversos pontos de vista, para que possamos começar o processo de adequação tanto de estrutura física, quanto dos projetos culturais que a gente vai desenvolver”.

O GT Acessibilidade se reunirá mensalmente para seguir na consolidação da política para inclusão e acessibilidade das pessoas com deficiência, reafirmando o compromisso institucional pela defesa dos direitos humanos e valorização da diversidade.

Glaucia Lopes - Nada Sobre Nós, Sem Nós!

Para Glaucia Lopes, diretora do bloco inclusivo “Nada sobre nós, sem nós”, militante e influencer na área inclusiva, a reunião é um fato muito importante, porque realmente estão pensando em políticas públicas para as pessoas com deficiência e envolvendo-as no processo. “A acessibilidade só acontece quando nós pessoas com deficiência estamos incluídas na pauta. E é de suma importância termos uma representante como a Telma, lutando pelos nossos direitos e nos dando oportunidade e espaço para falar”, finaliza.

 

 

 

 

 

 

Foto: Daniel S. G. Reino - FCMS 

 

 

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.