Roda de conversa reúne mulheres LBT

Categoria: Cidadania, Subs LGBT | Publicado: terça-feira, abril 5, 2022 as 11:04 | Voltar

A Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas LGBT+, em parceria com a Coordenadoria de Políticas Públicas LGBT de Campo Grande, Casa Satine, Associação das Travestis e Transexuais de Mato Grosso do Sul (ATMS) e o Coletivo Elas Podem, realizou a roda de conversa com o tema: “Mulheres Plurais”.

O evento foi realizado em alusão ao mês da mulher, com o objetivo de debater as vivências femininas nas mais diversas culturas e espaços de existência.

“ Para nós foi um prazer receber todas essas mulheres aqui para essa troca de conhecimento e aproximar a comunidade destas discussões. Nosso papel é contribuir para a desconstrução de todas as formas de preconceito, efetivando as políticas públicas e ouvindo quem de fato pode nos dizer o que é o dia a dia de uma mulher LBT”, explica o Subsecretário de Estado de Políticas Públicas LGBT+, Leonardo Bastos.

As participantes do evento acompanharam as palestras de Nátali Nunes, que falou sobre a liberdade ou aprisionamento: o mito da beleza e suas facetas e de Mayara Dempsey sobre os diálogos e possibilidades das Zines. Na ocasião foi lançado o ElasZine - Descomplicando o Feminismo: como a pressão estética afeta as mulheres.

“Nós aqui temos oito Subsecretarias que debatem os pontos mais delicados das políticas públicas de direito. E espaços como esse nos ajudam a efetivar essas políticas, com a construção conjunta, com a troca de experiências”, ressalta Eduardo Romero, Secretário Adjunto de Cidadania e Cultura.

Para Tamiris Régis, Coordenadora de Políticas Públicas para Mulheres de Guia Lopes da Laguna a ação foi muito importante. “Essa ação é extraordinária porque diversas vezes essas mulheres são apagadas, os atendimentos eles acabam não chegando até elas, porque falta uma atenção, um discurso especifico para essas mulheres LBTs, que tem uma história de sociedade que muitas vezes é invisível. Pautas como essa, rodas de conversa, momentos como esse enriqe4ussem a nossa forma de enxergar e abordar essas mulheres nas políticas públicas”, finaliza.

 

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.