Projeto de Cozinha Inclusiva da Associação Juliano Varela agora possui um trailer para comercializar os produtos pela cidade

Categoria: Cidadania, Subs Pessoa com Deficiência | Publicado: sexta-feira, novembro 19, 2021 as 15:17 | Voltar

Campo Grande (MS) – A manhã desta sexta-feira (19 de novembro) foi de muita alegria no hall de entrada do prédio da Fundação de Cultura. Foi lançado o trailer itinerante da Cozinha Inclusiva do projeto “O Cromossomo do Amor”, da Associação Juliano Varela.  Com apresentação da Banda Down Rítmica Juliano Varela e degustação dos alimentos produzidos pelos alunos do projeto.

A subsecretária de Políticas Públicas para Pessoas com Deficiência, Telma Nantes de Matos, disse ter grande satisfação em estar à frente da subsecretaria e agradeceu ao secretário de Cidadania e Cultura, João César Mattogrosso, e ao secretário adjunto, Eduardo Romero, por apoiar a ação e também aos funcionários da casa e aos visitantes que prestigiaram o evento. “Sempre digo que o mundo do trabalho é para todas as pessoas. A deficiência se torna leve quando todos nos dão a mão, apoio. Esta banda que se apresentou hoje nos mostrou uma sociedade civil que vai onde não podemos ir. Nós, à frente da Subsecretaria, vamos realizar um trabalho para que a deficiência seja leve”.

O diretor-presidente da Fundação de Cultura, Gustavo Cegonha, afirmou ser uma alegria receber a ação de hoje no prédio. “Um dos nossos objetivos é a inclusão social, principalmente neste momento de retomada. Esta banda que se apresentou toca o coração da gente. As portas aqui estão sempre abertas, estamos à disposição de todos”.

O prefeito Marquinhos Trad agraciou o evento com sua presença e informou que o Juliano [Varela] foi funcionário durante quatro anos no seu gabinete. “Ele deixou aquilo que as pessoas no mundo de hoje se esquecem: saudades humanas. Quando me perguntam qual a grande obra da minha administração de que as pessoas não vão se esquecer, eu respondo: a grande obra as pessoas não iriam conseguir enxergar, é a minha oração por todos vocês. Esse é o grande legado da minha administração: respeito, humildade e cuidado com as pessoas. Eu sou um prefeito que anda no meio do povo, acolhendo a todos os seres humanos. Que Deus abençoe a todos”.

O deputado estadual José Carlos Barbosa, o “Barbosinha”, lembrou que o governo tem um olhar voltado para os vulneráveis, os mais necessitados, que precisam do poder público. “O Trailler do projeto O Cromossomo do Amor, que hoje está sendo lançado, apresenta pessoas especiais que produzem alimentos para que possam vender para pessoas especiais. Ali eles podem vender pão de queijo, brownie, bolo, pão, panetone, chocolate, bombom. É o amor que contagia. Agradeço ter me contagiado com esse cromossomo do amor neste evento de hoje. Que Deus abençoe as pessoas que se dedicam a trabalhar com esta causa”.

Presente no evento, o secretário adjunto da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e trabalho, Adriano Chadid, falou que tem muito carinho pela Associação Juliano Varela e informou aos presentes sobre as ações da Sedhast. “Este ano destinamos 2 milhões e 600 reais por meio de chamamento público para beneficiar 32 instituições, que transformam vidas, famílias, e chegam onde o poder público não pode chegar”.

Eduardo Romero, secretário adjunto de Cidadania e Cultura, representou o governador Reinaldo Azambuja no evento: “Venho trazer um abraço do governador Reinaldo Azambuja, que tem muito carinho e respeito com a causa da inclusão. Hoje, neste evento, não estamos apenas inaugurando um trailer, estamos levando um gesto para que a pessoa com deficiência não seja olhada como uma coitada, mas seja respeitada como gente, como ser humano. Quero agradecer a essas pessoas que fizeram de sua experiência uma luta coletiva. O que antes era luta da Malu [Fernandes, presidente da Associação Juliano Varela], é uma luta do Estado. Estamos abrindo diálogo, parcerias, o governo escancara seu espaço físico para que juntos possamos melhorar. Tudo o que podemos, temos que fazer. Vida longa a vocês que têm no coração a chama da solidariedade”.

Malu Fernandes, presidente da Associação Juliano Varela, encerrou o evento agradecendo ao governador, ao prefeito e demais autoridades pelo apoio às ações da instituição. “Vocês nos dão possibilidades de fazer o que a gente deseja. Este trailer é a consagração do desejo de uma mãe de ver pessoas com deficiência intelectual felizes. Eu não conseguiria ver meu filho feliz sem trabalhar. Este trailer passa a ser felicidade. Desde 2015 a gente começou a sonhar. No começo era só o chef Eduardo Rejalla e a gente, aí o tempo foi passando e as coisas foram melhorando, hoje temos nosso trailer. Muito obrigada!”

Ao final do evento, os presentes puderam degustar os deliciosos salgadinhos e bolos que os 25 alunos da Cozinha Inclusiva do projeto O Cromossomo do Amor, da Associação Juliano Varela, produziram. A partir de agora, o trailer vai circular pela cidade comercializando os alimentos e os valores obtidos vão ser revertidos para o próprio projeto. Vamos prestigiar!!!

Texto: Karina Medeiros de Lima (FCMS)

 

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.