Entidades debatem a saúde da população LGBT+ em privação de liberdade

Categoria: Cidadania, Subs LGBT | Publicado: sexta-feira, julho 16, 2021 as 18:42 | Voltar

A Subsecretaria de Estado de Políticas Públicas LGBT, realizou reunião online com representantes Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), da Secretaria de Estado de Saúde, da Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande (SESAU) e do Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian, com o objetivo de debater questões relacionadas a saúde da população LGBT+ em privação de liberdade.

“Debater a realidade da garantia da assistência à saúde de pessoas LGBT+ é um dos eixos de atuação da Subsecretaria. Sabemos que essa população que é mais vulnerável, no momento em que está nas unidades penais tem mais dificuldades de acesso aos serviços de saúde”, explica o Subsecretário de Estado de Políticas Públicas LGBT, Leonardo Bastos.

Na ocasião foi pautado a necessidade da capacitação dos profissionais do sistema prisional, tanto os da saúde, quanto os que atuam em outras áreas de atendimento à população. Além do como fazer chegar a essas pessoas o processo transexualizador (hormonioterapia) a necessidade de medicamentos retrovirais para tratamento de pessoas vivendo com HIV/AIDS.

Nos encaminhamentos da discussão ficou agendada uma próxima reunião no mês de agosto com as devolutivas de cada órgão presente na reunião.

Participaram do encontro assistente social Wendel Augusto e a estagiária Laura Beatriz representando o Centro de Referência em Direitos Humanos de Prevenção e Combate à Homofobia (CENTRHO); a gerente técnica no município do sistema prisional, Elisangela; a Gerente de Equidade e Ações Estratégicas da Secretaria de Estado de Saúde, Geani Almeida; Henrique representando a Coordenadoria da Rede de Atenção Especializada/SESAU; a gerente técnica do programa de HIV/AIDS/SESAU, Letícia Lima; a assistente social do Instituto Penal, Liliane Amarilha; Maria De Lourdes, representando a Coordenação Divisão De Assistência À Saúde – Agepen; a chefe da Divisão De Promoção Social da Agepen Marines Savoia e a Chefe Da Unidade de Atenção Psicossocial da HUMAP (UFMS/EBERH), Patrícia da Silva.

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.