Conselho Estadual dos Direitos da Mulher realiza primeira reunião após eleição

Categoria: Cidadania, Subs Mulher | Publicado: segunda-feira, setembro 16, 2019 as 15:44 | Voltar

Campo Grande (MS) – O Conselho Estadual dos Direitos da Mulher de Mato Grosso do Sul (CEDM/MS), realizou a primeira reunião da gestão 2019 – 2022, na última quinta-feira (12.9), na Secretaria Especial de Cidadania.

No mês de julho deste ano a Presidente da Fundação de Cultura do Estado do Mato Grosso do Sul, Mara Caseiro, foi eleita presidente do Conselho e a advogada Amanda Parizan como vice-presidente, representando a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional MS.

Na reunião a presidente eleita destacou a importância da união, o respeito às diferenças de opiniões ideologias. “O conselho tem que estar acima das questões partidárias ou ideológicas. Nossa meta e o nosso foco é defendermos os direitos legítimos da mulher e fortalecê-la para que seja protagonista da sua própria história”, ressalta Mara.

Na ocasião as conselheiras saíram com três pautas definidas, sendo a primeira o agendamento de uma reunião com o secretário de saúde do Estado, Geraldo Rezende, e os diretores do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (HRMS) e do Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian (Humap), para discutir questões inerentes a saúde da mulher.

A segunda uma visita técnica ao Centro de Triagem e Encaminhamento do Migrante (Cetremi) na busca de contribuir com o acolhimento de mulheres e meninas que vivem em situações de risco nas ruas, e a terceira diz respeito às atividades da campanha “Outubro Rosa”.

A Subsecretária Estadual de Políticas Públicas para Mulheres, Giovana Correa, destacou a importância da parceria para o desenvolvimento de políticas públicas para as mulheres sul-mato-grossenses. “Nosso primeiro encontro do Conselho com a nova presidente foi extremamente produtivo. Discutimos as demandas do conselho e entre elas surgiram boas propostas de ações que envolvem o cuidado com a mulher”, afirma.

Participaram também da reunião as conselheiras Thais Dominato Silva Teixeira, da Defensoria Pública Estadual, Gislaine Vieira de Oliveira, da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho, Joilce Silveira Ramos, da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública, Miriam Pereira dos Santos, do Coletivo de Mulheres Negras do MS “Raimunda  Luzia de Brito”, Valdenice Maria de Oliveira Celeri, do Conselho Regional de Psicologia, Iara Gutierrez Cuellar, da Federação dos Trabalhadores em Educação do MS, Amanda Paraizan, da Ordem dos Advogados do Brasil e Juliana da Silva Mastroto, da Seleta Sociedade Caritativa e Humanitária.

CEDM/MS

O Conselho Estadual dos Direitos da Mulher (CEDM/MS), foi instituído pelo Decreto-Lei nº 11, de 1º de janeiro de 1979 , na redação dada pela Lei nº 702, de 12 de março de 1987, é órgão colegiado de deliberação coletiva, de composição paritária entre o Governo e a sociedade civil organizada, integrante da estrutura da Secretaria de Governo e Gestão Estratégica (Segov), e tem por finalidade propor e fiscalizar, em âmbito estadual, políticas para a mulher, assegurando-lhe o exercício pleno de seus direitos, sua participação e integração no desenvolvimento econômico, social, político e cultural.

 

Foto: Alexander Onça – Fundação de Cultura de MS – FCMS

 

 

 

Publicado por: Jaqueline Hahn Tente

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.